Search

Júpiter na Casa 2

Júpiter é o Karaka do progresso e da 2ª casa. Quando posicionado nesta, favorece a obtenção de riqueza e crescente progresso. O nativo pode ganhar através de sua sabedoria e eloquência, expondo filosofias, ou leis, porque as pessoas gostam de ouvi-lo. Também pode ser poeta, bom escritor, astrólogo, cientista, religioso, educador, ou dedicar-se ao comércio exterior. A exata fonte de renda é de acordo com as casas que Júpiter rege.  

Júpiter outorga uma natural propensão aquisitiva, motivando o nativo a procurar expandir-se adquirindo cada vez mais e mais posses, para melhor desfrutar a vida. Júpiter o planeta da espiritualidade induz a desenvolver adoração à riqueza, quase como se esta tivesse valor religioso, ou projeta seu próprio valor moral em suas posses. Veste-se agradavelmente, tem bela face, é caritativo, virtuoso e sincero. Devido à propensão para acumular bens o nativo obtém boa esposa(o), a qual ajuda-o através dos tempos, desfrutando da vida familiar de que se cerca. Um sentido de maior segurança pode ser experimentado através da abundância de dinheiro e posses, ou por meio da aquisição de conhecimento, educação, ou filosofias religiosas.  

Este sentido fica melhor ainda quando o nativo entende que pode levantar na vida depois de cair, no momento que desejar, pois é dotado de habilidade para propagar sentidos práticos para sentidos de vida. Possui boa imaginação, a qual inspira entusiasmo aos demais, fazendo acreditarem que suas necessidades têm significados superiores, para justificar a satisfação de seus próprios desejos de posse e apetite por finos e exóticos alimentos. Pode passar por períodos difíceis para controlar a língua.  

Com Júpiter exaltado em Câncer, ou em seus próprios signos, Sagitário e Peixes, na 2ª casa, todos os benefícios mencionados acima são aumentados. Durante o Mahadasha de Júpiter é certa a obtenção de grande riqueza. A pessoa é sábia, informada, de conhecimentos ilimitados, fala meiga e docemente, e pode ser um poeta. A pessoa fala somente a verdade e floresce todo o significado desta casa. Júpiter debilitado em Capricórnio, na 2ª casa, sugere o esbanjamento de dinheiro e posses, investimentos mal planejados, problemas com dinheiro, ou simplesmente a pobreza. Estraga a vida familiar e interrompe a educação. A pessoa tem pouca imaginação e conhecimento. Não tem apreciação por bons alimentos, podendo embriagar-se, ter doenças na face, boca, dentes ou gengiva. Também é mentiroso e imoral. 

Estando Júpiter retrógrado na 2ª casa, o nativo passa por uma reação onde necessita aprender a ajustar seu conhecimento espiritual dos reais valores de justiça e princípios de vida, obtidos no passado, aplicando-os no plano físico e material desta vida a que está enredado. Sente-se insatisfeito com o que a vida lhe dá, pois deseja obter os valores que são livres no mundo. E isto quando tem dificuldades em entender suas próprias supervalorizadas necessidades de posses, incluindo até a ideia de sua própria liberdade. No entanto, deve deixar de invejar os outros que tem mais. Quer seja trazendo os valores do mundo para si, ou projetando-os no mundo, revive as atitudes que valorizou na vida anterior.