Search

Srimad-Bhagavatam – a luz da senda

510UlDIANoL

Uma das obras mais conceituadas, concebida para iluminar a busca espiritual, na era das desavenças.Entre os clássicos da literatura universal, o Srimad-Bhagavatam desfila ao lado de outros épicos como Os Lusíadas, de Camões, Odisséia, de Homero, e Mahabharata, de Vyasadeva. E, entre as escrituras sagradas arianas, é considerado o mais importante e o mais poético de todos os Puranas – comentários acerca dos Vedas.

 

Compilado pelo mesmo autor do Mahabharata, há cinco mil anos, foi conceituado na época como “tão brilhante quanto o Sol”. Porque, depois de contemplar, em meditação, tanta desavença para a era atual (Kali-yuga), Vyasadeva escreveu o Srimad-Bhagavatam para ser o guia de quem busca auto-realização. Assim, ele é apontado por grandes mestres como eficiente remédio para os sofrimentos decorrentes de ansiedades hoje tão comuns.

O épico reúne 18 mil versos, distribuídos em doze cantos. O cenário é o Rio Ganges – em Hastinapura, hoje Délhi, Índia –, onde, em uma das margens, acontece uma reunião de santos eruditos. Entre eles, Sukadeva Goswami, na posição de mestre, instrui o então imperador do mundo, Maharaja Parikshit.

Advertido de que morreria dentro de uma semana, o monarca renunciara a seu império e retirara-se para o Ganges. Lá, jejuaria até a morte e receberia iluminação espiritual para o caminho da perfeição. As instruções de Sukadeva Goswami explicam desde a natureza e a origem do Universo até a compreensão mais profunda de Deus.

São minuciosas informações sobre as raízes culturais da civilização ariana e sua herança espiritual. Narram realizações embasadas na tradição perpetuada pelos Vedas. Constituem poética obra-prima, que mostra perspectivas importantes da natureza da consciência, do comportamento para a compreensão do eu e da Verdade Absoluta.

No Ocidente, o Srimad-Bhagavatam está publicado em edição completa (há algumas versões condensadas) em Inglês e Português. A edição mais fiel é da editora Bhaktivedanta Book Trust (BBT), que, além de ter publicado a obra integral em Inglês e a única edição completa em Português, prepara para breve uma edição também em Espanhol.

O Srimad-Bhagavatam da BBT foi traduzido e comentado por A. C. Bhaktivedanta Swami e uma equipe de discípulos seus, coordenada por Hridayananda Das Goswami. Está distribuído em 19 volumes, com ilustrações e luxuosa encadernação capa dura. Em relação à edição em Inglês, a versão em Português traz uma diferença – um volume extra, com 600 páginas de índice geral, dividido em cinco partes: Versos; Nomes Próprios; Temas Gerais; Obras Citadas; e Analogias.