Search

Astrologia Védica

image15344

A astrologia Védica é um conhecimento que foi revelado no inicio da criação do universo ao senhor Brahma o semideus responsável pela criação cósmica.

Brahma ensinou esse conhecimento a seus descendentes os grandes sábios, Bhrigu, Garga, Vashista e eles ensinaram seus discípulos. Pela primeira vez esse conhecimento foi escrito no início da era de Kali e apresentado à sociedade humana por Parashara Muni – pai de Vyasadeva, o compilador dos Vedas.

Desde então, tem chegado aos tempos atuais de forma intacta,  por meio do processo de sucessão discipular, ainda existente em escolas filosóficas tradicionais da cultura védica.

Os Vedas constituem o conhecimento original manifesto no início da criação do Universo. Eles apresentam a Verdade Absoluta como fonte de toda a criação. Por sua vez, a Astrologia Védica é uma ciência que integra os Vedas. Dentre as ciências védicas antigas, a Astrologia é conhecida como ‘Ciência da Luz’ (Jyotish).

É uma das ciências materiais mais importantes da antiguidade, por sua precisão em combinar Matemática, Astronomia, Filosofia e Mitologia. Sempre foi um conhecimento utilizado por grandes sábios e mestres do passado e do presente. Pois, tem-se revelado importante instrumento de observação das reações das atividades humanas ao longo do tempo.

Conforme a Lei do Karma, ou de causa e efeito, os acontecimentos presentes são resultados de atitudes ou atividades praticadas no passado. Os astros são responsáveis pelo desenvolvimento e administração do cosmos material. Assim como o Sol é responsável pelo fornecimento de luz, calor, energia, vitalidade, conhecimento e outras qualidades.

Todos os astros do sistema planetário solar ocupam funções importantes na organização universal. Influenciam física e psicologicamente os seres vivos. De acordo com o conhecimento védico, os astros são presididos por divindades que possuem características pessoais. Por meio delas, os seres humanos desenvolvem aspectos específicos de comportamento.

A ciência Astrologia observa a interação dos astros com os signos, casas e constelações estelares. Os astros são comparados a ministros do governo universal, responsáveis por atividades específicas no desenvolvimento do Universo. Além de influenciar elementos grosseiros, como água, terra, fogo, ar e espaço, eles também agem no campo da energia sutil  e influenciam mente e inteligência dos seres vivos.

Os signos são considerados localizações no espaço. Servem de residências para os planetas, de acordo com seus movimentos siderais. Influenciam o humor de cada astro, conforme a natureza de cada signo.

As casas representam os campos de atividades dos seres vivos, como saúde, trabalho, relacionamentos etc. São estabelecidas de acordo com os signos e distribuem-se em doze, determinadas pelo momento do nascimento

As constelações são divisões dos signos que determinam influências particulares de cada astro, principalmente da Lua. Demonstram o carácter individual de cada pessoa e também estabelecem os períodos de influencias planetárias na vida, o que facilita as previsões de possíveis acontecimentos.

Por meio de um mapa levantado a partir de cálculos matemáticos envolvendo data, horário, latitude e longitude da localidade de nascimento, pode-se observar as influências dos astros nas casas do mapa natal, que representam os vários campos de atuação do ser humano. Os signos e planetas combinados mostram o humor do desenvolvimento de cada casa.

A Astrologia Védica facilita a descoberta das potencialidades e limitações do indivíduo. Permite o auto-conhecimento e a busca do equilíbrio físico, mental e emocional, por meio de várias técnicas e disciplinas. Também é utilizada para observar as influências dos astros nos momentos presente, passado e futuro. Isso possibilita a ação, de acordo com as circunstâncias. Ajuda a evitar desapontamentos e a indicar o momento mais propício para atividades profissionais, econômicas e afetivas.

 

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *